Início Plano de Saúde Notificação de Investigação Preliminar (NIP): o que é e como funciona?

Notificação de Investigação Preliminar (NIP): o que é e como funciona?

Autor

Data

Categoria

Você sabia que a Agência Nacional de Saúde Suplementar (ANS) conta com um procedimento para mediar conflitos entre beneficiários e operadoras de planos de saúde? Trata-se da Notificação de Investigação Preliminar, que busca agilizar processos e garantir que as demandas sejam resolvidas.

Continue a leitura e saiba como a NIP funciona para todos os envolvidos. Neste conteúdo vamos falar sobre:

  1. O que é NIP?
  2. Para que serve a NIP?
  3. Como abrir uma NIP?
  4. NIP e ANS: o que acontece caso a operadora não solucione o problema?
  5. Procurando plano de saúde? Vem pra Sami

O que é NIP?

A NIP é um procedimento instituído e gerenciado pela ANS, desde 2010, com o objetivo de mediar os conflitos e reclamações entre beneficiários e operadoras de planos de saúde. Além disso, a NIP busca evitar a abertura de processos administrativos e judiciais para resolver questões conflituosas, mas é efetiva da mesma forma, ou seja, operadoras de plano de saúde podem ser multadas e obrigadas a cumprir com obrigações.

Existem duas classificações de NIP:

NIP assistencial – trata de assuntos que se referem a restrições na cobertura assistencial prevista pelo plano de saúde. Por exemplo, quando determinado exame, que consta no rol de cobertura do plano, é negado ao beneficiário. 

NIP não assistencial – trata de outros assuntos que não sejam relacionados à cobertura assistencial, desde que o beneficiário seja diretamente afetado e a situação seja passível de mediação. Alguns exemplos são taxas e/ou reajustes de mensalidades não previstos.

As demandas não assistenciais só foram contempladas a partir de 2014, quando a NIP foi reformulada com a publicação da Resolução nº 388 da ANS, que também tornou obrigatória a adesão por parte das operadoras.

Para que serve a NIP?

Nessa década de existência da NIP, a taxa de resolução de conflitos tem demonstrado a eficiência da medida. De acordo com a ANS, a porcentagem de situações mediadas e resolvidas passou de 82,3%, em 2013, para 90,9%, em 2019, quando o órgão recepcionou 132.787 reclamações pelos canais de atendimento e suspendeu 155 produtos de 38 operadoras de saúde.

Além de evitar a judicialização da saúde, a NIP agrega aspectos positivos às operadoras de planos de saúde, aos beneficiários e também à ANS:

Benefícios da NIP para operadoras de planos de saúde – funciona como um controle de qualidade para as empresas, que têm a oportunidade de resolver os problemas com os beneficiários de forma voluntária, evitando a abertura de processos administrativos e judiciais. As operadoras também podem analisar a quantidade de NIPs e quais os problemas mais recorrentes para reorganizar processos internos e melhorar o serviço ao consumidor. 

Benefícios da NIP para beneficiários – a NIP permite que os beneficiários tenham os problemas em relação às operadoras de planos de saúde resolvidos de forma muito mais rápida. A partir de uma reclamação feita formalmente aos canais da ANS – telefone, prontuário eletrônico ou atendimento presencial – a operadora tem de cinco a dez dias úteis para responder ao beneficiário, de acordo com o tipo de demanda.

Benefícios da NIP para ANS – assegura mais eficiência no trabalho de auditoria e fiscalização da ANS. A medição e análise de dados sobre as notificações permitem monitorar as práticas de mercado do setor de saúde suplementar e servem como base para indicadores e programas em diversas áreas.

Como abrir uma NIP?

O processo de Notificação de Investigação Preliminar envolve as seguintes etapas:

  1. Reclamação do beneficiário em um dos canais da ANS

Para registrar uma reclamação, o beneficiário pode ligar para o Disque ANS, pelo número 0800 701 9656, ou escrever no “Fale Conosco”, pelo site da ANS. Devido às medidas de contenção da pandemia de Covid-19, os 12 postos de atendimento presencial da Agência estão com funcionamento suspenso. 

  1. Notificação da operadora do plano de saúde

Depois da abertura da NIP, a ANS notifica a operadora do plano de saúde para que a empresa tome as medidas necessárias e resolva o problema do beneficiário. Após a notificação, o prazo de resposta da operadora é de:

  • 5 dias úteis, no caso de NIP assistencial;
  • 10 dias úteis, no caso de NIP não-assistencial.
  1. Resposta da operadora à ANS

Passado o prazo dado à operadora, de acordo com o tipo de demanda, ela deve dar à ANS uma resposta sobre a resolução ou não resolução do problema do beneficiário. A resposta deve ser deverá ser anexada no site da ANS e deve incluir:

  • Documentação necessária para análise da demanda;
  • Comprovação de contato com o beneficiário para resolução do problema, informando o meio de contato usado e a data;
  • Caso a demanda não seja legítima, a operadora deve enviar a justificativa.
  1. Resolução ou não resolução do problema

A NIP é considerada resolvida quando:

  • O beneficiário informar à ANS que o problema foi solucionado pela operadora; 
  • Se o beneficiário não fizer contato algum à ANS em um período de dez dias.

Atenção: o beneficiário poderá retornar à ANS, quando quiser, mesmo passado mais de dez dias, para reportar que seu problema não foi resolvido pela operadora. Nesse caso, a NIP será reativada. 

A NIP é considerada não resolvida quando:

  • A operadora não apresentou resposta à ANS;
  • A operadora apresentou resposta, mas com a resolução do problema ainda em aberto.

NIP e ANS: o que acontece caso a operadora não solucione o problema?

Caso a demanda não seja atendida pela operadora do plano de saúde, é instaurado um processo administrativo para analisar as infrações cometidas e a empresa está sujeita a multas pecuniárias e multas diárias. Essa medida está prevista na Resolução Normativa nº388, da ANS.

Ainda assim, dentro do processo administrativo, a operadora tem a oportunidade de resolver a demanda do beneficiário voluntariamente, seguindo prazo previsto por lei, e assim se livrar das penalidades.

Procurando plano de saúde? Vem pra Sami

Aqui na Sami, temos como missão oferecer saúde de qualidade por um preço justo, sem surpresas e sem letras miúdas no contrato.

Cada membro da Sami tem acesso ao seu próprio Time de Saúde, com médico pessoal e equipe de enfermagem que conhecem você de verdade e que fazem o cuidado coordenado da sua saúde junto com você e os especialistas necessários.

Nossa rede credenciada, os Parceiros Clínicos da Sami, incluem opções de hospitais, maternidades, clínicas e laboratórios de qualidade, como Hospital Leforte, Hospital 9 de Julho, maternidades Santa Izildinha e Hospital Sepaco, laboratórios Labi, entre outros.

Por fim, sabemos que saúde é muito mais que a carteirinha do plano de saúde. Por isso, criamos a nossa Rede de Hábitos Saudáveis, com o aplicativo de academias e exercícios Wellhub (antigo Gympass) e outros benefícios exclusivos para a sua saúde mental e o seu bem-estar.

Tem interesse? Clique no botão abaixo e faça uma cotação. Nossos planos são para MEI e PJ a partir de 1 pessoa nas cidades de São Paulo, Guarulhos, Osasco, Taboão da Serra e no ABC, com preços a partir de R$ 172 por mês por pessoa.

Referências

Ei, RH! Quer economizar até30% no plano da sua empresa?

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Posts Recentes

4 dicas para cuidar da saúde mental feminina no trabalho remoto

Dupla jornada, responsabilidades com a vida familiar e salário desigual são alguns dos motivos que levam a diagnósticos de distúrbios relacionados à...

Obesidade sem tabu ou gordofobia: tudo que precisamos saber

Em 4 de março é celebrado o dia mundial da obesidade, instituído pela OMS para conscientizar a todos sobre os riscos de...

IMC: entenda as faixas e o peso ideal

O Índice de Massa Corporal (IMC) é uma ferramenta utilizada na área da saúde para avaliar a relação entre peso e altura de uma pessoa e, assim, classificar seu estado nutricional em categorias.

Etarismo: o que é, impactos na vida do idoso e a importância da pirâmide etária

o etarismo se refere a estereótipos, preconceitos e discriminação direcionada às pessoas com base na idade que elas têm.

Pluralidade cultural: o papel do pluralismo nas empresas

A pluralidade é um tema importante nos dias atuais, onde as fronteiras entre as nações se tornam cada vez mais fluidas e o mundo cada vez mais globalizado.
Ei, RH!Já conhece o planode saúde com foco emretenção de talentos?
×