Como ajudar seus colaboradores em épocas de crise?

Especialmente em momentos turbulentos, ações internas nas empresas podem deixar os times mais motivados, engajados e dispostos a dedicar-se ao trabalho. Confira 7 ações que podem ajudar.

0
1502
Como ajudar colaboradores em épocas de crise?

A pandemia e o isolamento social trouxeram novos hábitos para nos adaptarmos. Com isso, a nova rotina e os desafios do período exigem uma mudança na relação entre empresa e colaboradores. No caso das companhias, isso significa olhar para as políticas internas e dar evidência à saúde e bem-estar dos times, buscando mais qualidade de vida a cada um. 

Sendo assim, a saúde emocional dos colaboradores deve ser preocupação constante das organizações. Como você sabe bem, isso tem a ver com a importância da saúde no trabalho, que também impacta no ambiente, na produtividade e nas relações criadas no trabalho. Não à toa, organizações investiram em ações diferenciadas, que facilitam o dia a dia das pessoas e promovem um estilo vida mais sadio. Quer saber como fazer isso? Veja algumas iniciativas para implementar no seu escritório:

Tenha horários flexíveis

Essa é uma dinâmica que já vem sendo opção para empresas e, inicialmente, era eficaz para melhorar a relação de colaboradores com o trânsito de grandes metrópoles. Mas a flexibilização de horário também é positiva para o trabalho remoto, especialmente em tempos de pandemia. 

Ter horários flexíveis ajuda os colaboradores a criar uma rotina saudável e reforça os laços de confiança com a empresa

Com essa possibilidade, funcionários podem adaptar seus dias, estabelecer os horários que acham que funcionam melhor e ainda garantir atenção para outras coisas importantes, como atividade física, alimentação e até atenção para os filhos.

Sim, esse é um sistema especialmente bom para quem tem crianças em casa! Aliás, aqui, nossos colaboradores enxergam essa possibilidade de forma positiva e já  contaram que esse benefício traz tranquilidade e segurança para quem precisa dar atenção ao trabalho e aos filhos, uma tarefa nem sempre fácil quando ficamos o dia todo dentro de casa e temos filhos pequenos, principalmente.

Conte com os benefícios

Os benefícios comuns das empresas,  como o auxílio transporte e alimentação, são bastante úteis no dia a dia, já que estamos fora de casa. Mas o que fazer com esses benefícios quando não estamos no escritório? E quais tipos de benefícios considerar se o foco é promover a saúde no ambiente de trabalho?

Para algumas organizações, a saída foi transformar os valores em ajudas de custo nas despesas domésticas. O vale refeição virou vale alimentação, que pode ser usado em supermercados, por exemplo. Esse ajuste já permite que os colaboradores consigam adequar as finanças do dia a dia, uma vez que quando estamos em casa acabamos gastando mais com alimentação de toda a família.

Mas mais do que manter os antigos auxílios, uma das novidades que a pandemia trouxe ao mundo corporativo foi a implementação de alguns benefícios que vão muito além disso e que são muito importantes para o momento, como auxílio terapia e parcerias com aplicativos de atividade física e yoga. Essas são vantagens que estimulam colaboradores no cuidado com a saúde mental e física, que também impactam na forma como trabalham, principalmente em tempos em que a pressão psicológica acaba afetando mais as pessoas e suas rotinas.

Lembre-se também que segurança psicológica é um dos motivos para oferecer plano de saúde no seu negócio. Esse benefício, além de trazer saúde, traz o conforto aos seus funcionários de que sua família contará com todo o apoio em caso de algum problema de saúde.

Exercite a compreensão

Trabalhar em home office é uma coisa, mas atuar desta forma em uma pandemia é diferente, especialmente para quem possui filhos e também precisa lidar com as crianças estudando, brincando e pedindo atenção durante o dia.

Nas atuais circunstâncias, pode ser comum ouvi-los no fundo de uma ligação ou mesmo observar que os filhos de um colega de trabalho estão por perto enquanto uma reunião ocorre. Essas coisas podem acontecer e fazem parte do trabalho remoto e isolamento social. Por isso, a compreensão e empatia são as chaves para manter uma equipe confortável e confiante, mesmo diante de adversidades.

Por aqui, entendemos que isso é natural e não queremos que nossos colaboradores se sintam mal por estarem se esforçando como profissionais e como pais.

Organize grupos de meditação

Atividades em grupo são importantes para a rotina do escritório, já que fazem com que os colaboradores tenham uma relação mais próxima e possam incluir eventos diferentes na rotina. Mas com o isolamento social isso pode ficar difícil. A saída é investir em métodos positivos para as equipes e tentar trazer união mesmo virtualmente.

A meditação é uma prática que pode contribuir para a manutenção da saúde mental

Para isso, os grupos de meditação podem ajudar. A prática é comprovadamente benéfica para a saúde mental, trazendo mais foco, tranquilidade e redução de estresse. Nesse momento delicado que vivemos, a iniciativa pode mudar a forma como muitos colaboradores se sentem.

Aproveite o happy hour (online)

Outra prática que une muitos times é o happy hour. A reunião é um grande momento para descontrair colaboradores e conhecê-los melhor, estreitando relações. Sem poder fazer isso pessoalmente, as plataformas usadas para videoconferências podem ajudar a fazer encontros virtuais acontecerem. Esse tipo de encontro reflete no clima da organização.

Os happy hours são conhecidos por fazerem com que equipes se sintam mais confiantes. Isso porque desenvolvem relacionamentos interpessoais e criam senso de pertencimento. Assim, times podem trabalhar melhor e mais produtivamente, uma vez que se sentem confortáveis quando estão todos juntos.

Mesmo online, o happy hour é uma forma de estreitar as relações entre as pessoas da equipe

Procure manter os hábitos do escritório

Lanches, almoços ou presentinhos em datas especiais…. Não é raro ver que as empresas fazem ações durante todo o ano para trazer proximidade e confiabilidade para os profissionais. E durante o isolamento esses hábitos podem continuar.

Se você tem a prática de dar docinhos para os aniversariantes do dia, pode enviar o agrado para a casa de cada um. Se costuma oferecer lanchinhos diferentes depois que algumas metas foram cumpridas, pode substituir por cupons que os colaboradores poderão usar. Fazer isso mostra às equipes que a empresa está buscando manter a dedicação aos funcionários, pensando no bem-estar de cada um e preocupada em fazer a cultura da organização continuar viva.

Invista nos talks e treinamentos

Incluir talks, treinamentos e até workshops nas organizações são práticas relativamente novas, mas que trazem grandes resultados. Contar com esse tipo de iniciativa é investir em qualificação, e isso é uma grande forma de motivar pessoas, além de tornar a empresa mais competitiva.

Em tempos de isolamento social, essa também foi uma tática interessante na qual empresas puderam trazer conteúdos gerenciais, mais técnicos, ou motivacionais, que refletem valores e objetivos de uma organização.

Assim como no caso do happy hour, aqui as plataformas de reuniões são úteis e podem fazer com que colaboradores reciclem suas visões sobre o negócio. Além disso, os treinamentos reforçam valores e ajudam a criar engajamento dos funcionários com a marca. Algo bastante importante nos dias de hoje, certo?

Sami Plano de Saúde Empresarial

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui